quinta-feira, 29 de março de 2018

Comunicado

Atendendo à ausência prolongada de novas publicações neste blog a equipe editorial do mesmo vem comunicar ao público em geral o seguinte:
O "Tanque dos Patos" é e continuará a ser um espaço de sátira da atualidade nacional e internacional, tendo por principal objeto a má língua!
Apesar de ser um blog dedicado a dizer mal de tudo e de todos, este espaço de comunicação não tem o exclusivo dessa atividade e rege-se pelo respeito pelos demais espaços com objeto semelhante.
O "Tanque dos Patos" percebe que a comunidade dedicada à má língua já sentia a sua falta, não podendo no entanto desrespeitar efemérides importantes como, casamentos, batizados e festas de aniversário!
Assim, e atendendo a que dois espaços diretamente concorrentes na arte de maldizer, nomeadamente o "Correio da Manhã" e a "CMTV" celebraram nos últimos dias respetivamente o 39º e o 5º aniversário, o "Tanque dos Patos" entendeu nestes dias não retirar o brilho e o protagonismo que estes dois ilustres meios merecem!
Este espaço editorial ponderou nestes últimos dias chamar trolha, labrego e aldrabão a alguém, no entanto a vertigem da realidade ultrapassou essa intenção, arrasando por antecipação qualquer oportunidade que pudesse surgir nesse sentido.
Foi também equacionada por parte da equipa criativa deste blog a abordagem satírica do espírito da Semana Santa, todavia um ilustre agente da autoridade resolveu, e bem, iniciar o processo de reinserção social de alguns detidos com um brilhante sermão, pelo que, no enorme respeito que este espaço nutre pelas forças policiais, concordou toda a equipa em reservar esta abordagem mais espiritual para a ocasião da beatificação de José Sócrates ou de Ricardo Salgado.
Neste sentido e de forma a não defraudar as legitimas expectativas dos leitores, o "Tanque dos Patos" irá retomar a regularidade habitual, esperando no entanto não colidir com nenhum dos assuntos abordados pelos ilustres concorrentes! 

Portugal, 29 de Março de 2018

Post scriptum:


Dentro deste espírito de lealdade que deve sempre nortear o disputadíssimo setor da maledicência, o "Tanque dos Patos" está solidário com todo o grupo "Cofina" que só não noticiou a conversão da coima aplicada à "Celtejo" numa admoestação escrita por ainda estar a varrer confetes da festa de aniversário...

quarta-feira, 21 de março de 2018

Um Poema!

Dia 21 de Março é o "Dia Mundial da Poesia". Esta data instituída pela UNESCO  visa celebrar a liberdade de criação de ideias através das palavras!


Quando lemos ou ouvimos um poema, declamado, cantado ou até mesmo encenado há sempre algo do nosso mais profundo intimo que se abala e estremece! 
Portugal tem poetas de excelência: Camões, Miguel Torga, Cesário Verde, Florbela Espanca, Sophia de Mello Breyner Anderson, José Régio, Fernando Pessoa, Ary dos Santo e tantos outros que traduziram em palavras aquilo que num momento ou outro todos nós sentimos!
Mas na poesia, tal como em quase todas as artes, os maiores e mais puros são os incógnitos...
"Quem manda aqui sou eu!"
"É melhor eu estar calado..."
"Isso não sei, a lei da sobrevivência penso eu pois que temos que ter outros engenhos."
"O andebol ou o crit-kat é com as mãos, o futebol é com os pés, por isso é que é o jogo mais difícil do mundo!"
"Quando conduzes um Ferrari tens que ter andamento para ele."
"Fico c'uma amêndoa atravessada na garganta..."
"A experiência da vida, como no futebol, é conhecimento!" 
" Oh Sulemane, fachabor, não te importas que tás mal colocado?"
"Português sempre foi visionário, andou sempre à frente!"
"Quanto mais conhecimento tamos, melhor também estamos!"
"Às vezes apetece-me dizer coisas certas com palavras erradas!"
"Ou seja, o treinador é um criador também, muitas coisas a gente faz e ninguém vê, só nós é que sentimos e vimos!"
"Fantasma é não lá chigare!"
Pois é, muitos até podem pensar que são músicas que o António Antunes copiou de alguém...


...mas não, são do Jorge Fernando Pinheiro de Jesus...porque para ele poesia é "peaners"!!!

terça-feira, 20 de março de 2018

A saudade e o apego!

Desde que Portugal deu novos mundos ao mundo, o aventureiro povo Lusitano demonstrou a sua faceta de emigrante.
Em tempos idos era a franja da sociedade menos instruída que emigrava, sujeitando-se muitas vezes a trabalhos e tarefas que eram recusadas pelas pessoas do país de acolhimento.


Atualmente a nova vaga de emigração é maioritariamente caracterizada por jovens, com formação superior que procura emprego na área para a qual estudou anos a fio!
Tendo em conta os dados veiculados pela ONU, cerca de 2,3 milhões de portugueses residem fora do país...ou seja 22% da nossa população é emigrante!
Independentemente da formação, da atividade desempenhada ou do país de destino, uma coisa une os portugueses: o apego e a saudade de Portugal!
Ainda ontem o nosso emigrante mais conhecido apelava à valorização dos portugueses e ao orgulho do que é nosso!
Há coisas que são só nossas : o Fado e a Saudade!
E muitas das vezes esse apego tão nosso manifesta-se mesmo quando apenas somos migrantes.
Quem de nós nunca teve de passar algum tempo longe da sua terra por motivos profissionais?
E é nessas alturas que esse apego à terra vem ao de cima...


Vejamos por exemplo a deputada socialista Sónia Fertuzinhos: apesar de viver em Lisboa, recebe da Assembleia da República o subsidio de deslocação para Guimarães onde tem as suas raízes...


Ou Feliciano Barreiras Duarte, vizinho de Fertuzinhos na avenida de Roma em Lisboa, mas que recebeu entre 1999 e 2009 o subsidio de deslocação para o Bombarral, onde residem os seus pais...
É isto que faz de nós um povo único : a saudade e o apego às nossas origens! Mesmo que isso apenas se consiga materializar nuns insignificantes subsídios de umas centenas de euros, mas que nos ajudam todos os dias a lembrar as nossas origens! 

sábado, 17 de março de 2018

Direitos Laborais

Os direitos dos trabalhadores são hoje em dia tidos como uma certeza, no entanto nem sempre foi assim.
Ainda há alguns anos atrás, quando nascia um filho, o pai trabalhador não tinha direito a qualquer licença ou dispensa do seu emprego.


Depois de algumas lutas e alterações legislativas lá começaram a ser gozados dois dias por ocasião da chegada do rebento, e hoje em dia a lei é já bem mais benéfica para o progenitor. 
Assim,  a legislação nacional, prevê que o pai goze  quinze dias seguidos ou interpolados, sem perda de remuneração, sendo que obrigatoriamente cinco desses dias têm que ser gozados após o nascimento!
Além disso o pai tem ainda direito ao gozo de mais dez dias, também sem perda salarial, que têm que ser obrigatoriamente gozados em período em que a mãe esteja ainda no gozo da licença prevista para ela.


Mas mesmo com todas estas benesses previstas na lei, muitas vezes surgem dúvidas que quase ninguém sabe responder!
José Sá, guarda redes do Futebol Clube do Porto, e Raquel Jacob foram pais, até aqui tudo normal.
Obviamente que o futebolista tem direito ao gozo da licença parental inicial exclusiva do pai.


E aqui é que surge a dúvida...


José Sá está castigado pela Liga De Futebol Profissional.
Como deve proceder a entidade patronal nestes casos?
Adia o castigo para o período após o gozo da licença parental? 
O pai goza a licença parental (pelo menos os cinco dias obrigatórios logo após o nascimento) de imediato e adia o cumprimento do castigo?
São dúvidas que podem surgir e que talvez nem sindicatos nem a Autoridade para as Condições do Trabalho saibam responder...por isso na hora de pensar em ter um filho, calcule bem para na altura do parto não estar sob a alçada disciplinar da sua entidade patronal... pelo menos enquanto quem de direito não esclareça estas dúvidas!

sexta-feira, 16 de março de 2018

Por cá não se brinca!

Lance Armstrong é um ex ciclista profissional norte americano.
Considerado por muitos como o maior ciclista de todos os tempos, viu a sua carreira destruída por um escândalo ligado à utilização de substâncias dopantes. 
Até ao estalar da polémica Lance Armstrong foi campeão do mundo de estrada em 1993, entre 1999 e 2005 venceu o mítico Tour de France por sete vezes consecutivas e mais que isso: venceu o cancro.
Se para alguns Lance é um batoteiro, para outros continua a ser um ídolo. 


Muitos são os casos de doping no desporto e o ciclismo encabeça a lista das suspeitas e não há época em que um ciclista profissional, mais ou menos conhecido, não seja suspenso da atividade desportiva.
Mas o caso de Lance Armstrong foi tão grave que o mesmo foi banido de todo o tipo de competição!
Quando muitos pensam que a União Ciclista Internacional foi duríssima é porque não conhecem a realidade nacional!


É que por cá não se brinca! O Tribunal da Relação de Guimarães confirmou a condenação a quatro meses de prisão efetiva por conduzir uma bicicleta embriagado!
Os factos remontam a 2017 em Esposende, junto a uma discoteca e o individuo em causa foi detetado a conduzir a bicicleta com 1,78 gramas de álcool por litro de sangue...e ao que consta também já tinha sido apanhado embriagado em quatro ocasiões anteriores!
Pode parecer insólito  e os adeptos de ciclismo estarem espantados... mas só quem nunca bebeu um bom vinho verde é que não percebe o pedal que aquilo dá!

quarta-feira, 14 de março de 2018

Tão British...

Normalmente olhamos para a Casa Real de Inglaterra como a imagem do rigor protocolar.
Associámos também  aos ingleses a pontualidade e alguma frieza em que tudo é feito de forma calculada e milimétrica!
Mas também não deixa de ser verdade que os britânicos também são vistos por muitos como o típico turista que visita o Algarve e se encharca em cerveja desde o início da manhã até altas horas da noite!
E talvez essa irreverência e rebeldia tenha sido a herança genética mais transmitida à mais ilustre das ex-colónias britânicas : os Estados Unidos da América! 
Normalmente vemos a irreverência associada á evolução de gerações, mas às vezes os filhos são bem mais recatados que os pais...
E nem tudo o que parece, é!


A semana passada uma empresa norte-americana lançou umas cuecas especialmente direcionadas para o sexo oral!
Alegadamente previne algumas doenças sem limitar nenhum dos objetivos dos amantes!
Talvez os mais distraídos pensem que isto é uma coisa muito para a frente, mas não passa de mais um caso de um filho, Estados Unidos, que apesar de bastardo e mais rebelde que os pais, Inglaterra, se revela em muitas coisas mais retrogrado do que os progenitores!



Catarina de Bragança nasceu em Vila Viçosa a 25 de Novembro de 1638, filha de D. João IV, Rei de Portugal.
Mas Catarina de Bragança marcou para sempre e Corte e a sociedade Britânica, no papel de esposa de Carlos II de Inglaterra.
Esta ilustre portuguesa introduziu em Inglaterra um hábito que hoje todo o mundo toma por inglês: o "Chá das Cinco"!
Além disso levou à Corte um pouco de civilização: o uso de talheres durante as refeições, é que até aí os ingleses comiam e levavam os alimentos à boca com as mãos...
Afinal aquilo que muitos de nós achamos tão "british" é bem mais luso do que parece...
Mas que mais me espanta no meio disto tudo é que, quatro séculos depois, a mais ilustre das ex-colónias britânicas tente relançar o hábito de comer com os dedos e ainda por cima lamber o prato...

domingo, 11 de março de 2018

Pagar impostos!

Estamos no mês de Março e dentro de algumas semanas todos nós iremos entregar, pela Internet, a declaração de IRS relativa a 2017.
Este ano muitos dos contribuintes já poderão optar pela simples validação dos dados apresentados pela Autoridade Tributária.
Como bons portugueses que somos, só nesta altura, em que já não há nada a fazer, é que nos lembramos que há algumas coisas que servem para abater à coleta: isto é, na prática reduzir a fatia de IRS que temos que pagar.
Uma das coisas mais simples mas mais eficaz que poderemos fazer é em todas as compras, aquisição de serviços e nas mais variadas despesas solicitarmos a fatura com o nosso número de identificação fiscal! 
Mas nisto dos impostos nunca ninguém sabe tudo e há sempre uma ou outra coisita que nos podem ajudar a pagar menos.
Claro que há sempre aquelas grandes empresas que têm contabilistas competentes a estudar a forma de pagar menos...e os resultados podem mesmo ser surpreendentes!


Esta semana surgiu na comunicação social a notícia de que a EDP poderá ter pago uma taxa de IRC de 0,7% em 2017...
Embora isso represente alguns milhões de euros para um simples contribuinte que paga 15% ou 20% ou até 28% de IRS esta percentagem de 0,7% pagos pela EDP parecem no mínimo insultuosos...
Mas em 2019 a Autoridade Tributária já não me engana! 


Já comecei o investimento tendo em vista a redução da minha parcela de impostos, e como podem ver já me lancei no mercado da energia solar e da energia eólica!
Sei que me vão dizer que esta lanterna e este cata-vento são ridículos, mas Roma e Pavia não se fizeram num só dia, e grão a grão...
Também tenho na garagem de casa uns aparelhos elétricos velhinhos e avariados, uma ou duas lâmpadas fundidas e umas pontas de cabo que já não me servem de muito.
A minha mãe anda sempre a dizer que aquilo é só lixo mas ainda esta semana vou tentar registar aquilo como um pequeno museu da eletricidade!
Para as coisas correrem bem só falta o tempo melhorar para organizar umas corriditas aqui pelas redondezas...
Com a coisa encaminhada lá para 2019 sou bem capaz de poupar 2 ou 3 euros no IRS...

sexta-feira, 9 de março de 2018

As Toupeiras

Quem tem um belo relvado na frente da sua moradia sabe bem as dores de cabeça que uma praga de toupeiras pode causar.
Apesar de serem benéficas no combate a algumas larvas que podem destruir as plantas ornamentais, as toupeiras causam enormes estragos com as redes de túneis que criam para viver.
Cada vez que o bichinho sai do seu mundo subterrâneo lá fica um monte de terra no meio do jardim!


A praga é tão incomodativa que até os canais de televendas apregoam aparelhos milagrosos que através de vibrações afastam o indesejado animal.
Além desse aparelhos também são conhecidos aqueles remédios caseiros à base de óleo de ricínio e de detergente da roupa...
Outros apontam para cilindros metálicos com uma espécie de porta que só abre para o interior do mesmo...
Há também quem indique uma espera com uma bela enxada na mão ou até mesmo quem inunde os túneis na tentativa de fazer sair a toupeira do seu espaço de conforto...


Mesmo para quem vive no campo e sabe bem como se comportam as toupeiras, apanhar as mesmas não é tarefa fácil...
Agora imaginem a dificuldade dos inspetores da Polícia Judiciária...Não admira que tenham demorado de Outubro a Março para apanharem uma...e ao que parece ainda faltam mais duas...

quinta-feira, 8 de março de 2018

Respeito pela Mulher

Desde 1977 que a ONU reconhece o dia 8 de Março como "Dia Internacional da Mulher".
Podemos discutir se estabelecer um dia como dia da mulher não é só por si um ato redutor e discriminatório.
Muitas são as justificações para a escolha desta data.
Há quem entenda que se deve ao terrível incêndio que ceifou a vida a 130 operárias têxteis em Nova Iorque...mas esse incêndio ocorreu a 25 de Março de 1911...
E já em 28 de Fevereiro de 1908 se assinalou o Dia Nacional da Mulher nos Estados Unidos, data em que 1500 mulheres se manifestaram pela igualdade dos direitos laborais!
Em 8 de Março de 1917 cerca de 90 mil mulheres manifestaram-se contra o Czar Nicolau II  por causa da fome e da participação da Rússia na I Guerra Mundial, numa manifestação que ficou conhecida por "Pão e Paz".
Mais tarde, nas décadas de 50 e 60 do século reacendeu-se a luta das mulheres pela igualdade de direitos laborais.
O ato mais marcante foi a "queima dos soutiens", em que um grupo de mulheres aproveitou o concurso "Miss América 1968" para junto ao local do evento depositar os soutiens, espartilhos, cintas, maquilhagem ou saltos altos, numa ação que simbolizava a queima simbólica da beleza feminina.


Nós por cá, e a propósito de soutiens, assistimos ainda há bem pouco tempo ao drama do encerramento da "Triumph".
Antes do encerramento as trabalhadoras passaram ainda pela penosa situação dos salários em atraso.
Apesar de estarmos em 2018, o mundo laboral ainda encerra algumas agruras para o universo feminino com salários diferenciados, com despedimentos encapotados em caso de gravidez ou mesmo com casos de assédio.
Há  sempre quem pense que com um discurso de igualdade e umas percentagem de quotas obrigatórias se resolve o assunto.
Discursos leva-os o vento e quotas são o maior inimigo do mérito e da igualdade! 


 E os atropelos não se ficam pela classe operária.
Hoje ficou-se a saber que Pedro Dias não tem bens, não tem contas bancárias e obviamente não mais nenhum emprego conhecido desde que recolheu à vida monástica em Monsanto.
Mas afinal quem vai pagar os honorários da Dra. Mónica Quintela? 
É uma questão pertinente e que hoje dia Internacional da Mulher não pode passar em claro, porque Mónica Quintela poderá ser apenas mais uma mulher que ficará sem receber pelo trabalho feito!

terça-feira, 6 de março de 2018

Cortes cegos!

O discurso dos governantes portugueses é neste últimos anos de que o país saiu da crise económica e que o caminho é de recuperação.
No entanto todos os dias os cidadãos recorrem aos mais diversos serviços da administração  e percebem que o aparelho do estado apresenta várias falhas muitas deles devidas ao garrote financeiro a que estão sujeitas. 
Nos anos que o país esteve sob resgate os cortes foram feitos de forma generalizada porque o que importava era poupar.
Agora que a troyka se foi embora importa passar-se a ideia de que já não são feitos cortes e que os resultados da economia são reflexo das politicas seguidas.
Mas será mesmo assim? Será que os cortes cegos não foram substituídos pelas famosas cativações?
A atualidade noticiosa do dia de hoje fica marcada pela detenção do assessor jurídico do Benfica, o advogado Paulo Gonçalves.


Se no tempo do resgate e da troyka o setor da justiça foi abalado pelo corte generalizado e pela famosa reorganização do mapa judiciário, nos tempos atuais que muitos querem chamar de retoma, o mesmo setor é abalado diariamente pela falta de funcionários, pela falta de meios técnicos, pela degradação das instalações resultante do desinvestimento e falta de manutenção.
E para que esta degradação do aparelho judicial salte aos olhos de todos  basta que o destino se encarregue de criar as famosas coincidências...
Imaginemos que esta manhã a Polícia Judiciária não tinha viaturas disponíveis para transportar os inspetores para as buscas ...as mesmas não se poderiam realizar.
Tal não aconteceu, mas o que poucos sabem é que a escassez de meios no aparelho do estado levou a que a operação "e-toupeira" levasse um rumo diferente do planeado!


O Tanque dos Patos sabe, de fonte credível, que o facto do navio de pavilhão espanhol "Betanzos" ter encalhado junto ao Bugio por volta da uma da manhã desta terça-feira, levou a uma mudança drástica na operação "e-toupeira".
O incidente com o navio espanhol à saída da barra do Tejo implicou a mobilização dos rebocadores disponíveis no porto de Lisboa, levando assim à inesperada mudança do alvo das buscas e da consequente detenção.
O Tanque dos Patos sabe que não era Paulo Gonçalves o principal alvo da Polícia Judiciária, mas sim Pedro Guerra e que a detenção do mesmo só não aconteceu por falta de rebocadores...

segunda-feira, 5 de março de 2018

Inspiração em Deus?

A noite de ontem ficou marcada a nível televisivo pelo Festival RTP da Canção.
O concurso que decorre na televisão pública desde 1964, voltou na edição deste ano a ser o programa de referência da televisão pública, como acontecia  nas primeiras décadas em que se realizou o certame. E tudo isto graças à vitória de Salvador Sobral na edição do ano passado da Eurovisão!
Mas festival sem polémica não é festival...
E este ano a polémica surgiu à volta de um dos favoritos à vitória: Diogo Piçarra!


A banalização das redes sociais permitiu a quase toda a gente ter opinião sobre quase tudo, e poucos minutos após a atuação de Diogo Piçarra na semi final do Festival RTP da Canção surgiu a bomba na internet: a música levada a concurso era supostamente plagiada de uma música da Igreja Universal do Reino de Deus...
Muito se tem falado de plágio no mundo da música portuguesa, mas a cópia de obras ou de ideias normalmente traz mais publicidade a quem se apropria indevidamente  do que àquele que foi plagiado.
E se o titulo de rei do plágio começa a ter vários candidatos, o prémio de vítima vai direitinho para a IURD.
E se alguns pensam que da IURD se copiam apenas as músicas outros já se aperceberam que não.


Em Janeiro Edir Macedo decretou um jejum de notícias aos fieis da IURD...


Em Fevereiro Bruno de Carvalho decretou também um jejum aos adeptos do Sporting...
Mas será isto plágio ou inspiração em Deus? 

domingo, 4 de março de 2018

O tamanho conta?

Há uns anos atrás os "Gato Fedorento" apresentaram, na série "Lopes da Silva" um sketch intitulado "O Maior da minha aldeia"!
A rábula andava à volta dos argumentos para a escolha da pessoa mais importante da sua aldeia!
Mas para encontrarmos situações destas não precisamos de ir ao mundo do humor ou da ficção, na nossa sociedade encontramos todos os dias novelas sobre importância, sobre pessoas insubstituíveis,  no fundo sobre quem é o maior!
Variadas são as vezes em quem se questiona se o mais importante é o maior, se o mais importante é o mais pequeno, se o mais importante é o mais bonito...
Mas será que o tamanho conta?

Há quem diga que sim e há quem diga que não!
Esta semana assistimos a uma discussão sobre a temática...
Duas senhoras, já centenárias, uma delas residente no Largo da Penha de França e a outra no Largo do Carmo entraram numa espécie de disputa de tamanho de "pilinhas" mas na versão para senhoras!
Ao que parece uma delas tem para lá uma gaiata que bate bem, logo a outra respondeu que tem lá uma cachopa que é a maior tratadora de cachorros...
Passados uns dias uma das senhoras apresentou uma menina que conduz motas grandes, logo a outra respondeu que também tem uma que conduz motas ainda maiores...
Uma disse que tinha as meninas mais bonitas ao que a outra respondeu que as suas meninas se dão melhor que as da outra...


Ao ver esta guerra de "pilinhas" pensei que as distintas senhoras eram de aldeias rivais...mas afinal não...são senhoras da mesma aldeia com uma função comum: a proteção dos restantes moradores lá da terra...