sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

Com certeza Sra. Doutora!

Joana Beatriz Nunes Vicente Amaral Dias, nascida em Luanda a 01 de Janeiro de 1973 é uma psicóloga clínica, foi deputada à Assembleia da República eleita nas listas do Bloco de Esquerda pelo círculo de Lisboa entre 2002 e 2005 e atualmente é opinadora no espaço "3 minutos" na CMTV.


Por estes dias nesse espaço de opinião, Joana Amaral Dias abordou o tema do ranking das escolas.
Como nos anos anteriores, o referido ranking provoca sempre debate e 2018 não é um ano diferente.
Desta vez a comentadora resolveu "bater" em Baião e em Câmara de Lobos...
No fundo o comentário foi :"coitadinhos dos pobrezinhos dos filhos dos humildes"...
Já teve a devida resposta dada pela deputada Adelaide Ribeiro...
A deputada eleita pelo PS-Madeira tem a particularidade de ter nascido em  Baião e de ter desenvolvido o seu percurso profissional na área do ensino na Madeira, principalmente no concelho de Câmara de Lobos.
Não vou aqui transcrever a opinião de Adelaide Ribeiro (facilmente se consegue ler na internet), mas parece-me uma opinião de alguém que sabe e conhece bem a realidade dos dois concelhos "achincalhados" por Joana Amaral Dias...
Até fiquei a pensar que a Doutora Joana nunca tinha ido à Madeira, que era daquelas pessoas que pensava que quando a maré sobe os madeirenses ficam com um dos pés no mar, mas a fotografia acima mostra que pelo menos na campanha eleitoral de 2015 esteve na pérola do Atlântico!
Mas o que terá acontecido para  que a Doutora desconheça a tal ponto a realidade da ilha da Madeira?
Será que quando foi dar uma volta à noite pediu alguma coisa que batesse, mas que fosse chic?
Com certeza Sra. Doutora!


Como a ilustre comentadora vai continuar a opinar e um dia destes volta à baila a ilha da Madeira, deixo-lhe um conselho:
Vá lá, saia do Funchal e vá até Câmara de Lobos, coma um peixinho, beba uma nikita, depois pegue no carrinho alugado ou na furgoneta do Zé Manel e vá até ao Cabo Girão ver as vistas e daí suba às Fontainhas e beba umas ponchas no Nelson! Sossegue e desça ao Estreito, coma um boa espetada e um milhinho frito...
No dia seguinte repita a dose e aposto que à noite além de ter uma opinião totalmente diferente, vai querer ser xavelha!

Sem comentários:

Enviar um comentário