quarta-feira, 24 de janeiro de 2018

Segredos da culinária

Todos nós apreciamos de vez em quando um bom petisco.
E poucos povos no mundo podem dizer que têm a panóplia de pratos ideais para petiscar!
Podia enumerar aqui vários exemplos, mas não o vou fazer, até porque já há neste blog um artigo sobre gastronomia portuguesa.
Mas quando o prato nos chega à mesa já decorreu um longo processo. 
A obra de arte que degustamos é o resultado da mistura de segredos com os melhores ingredientes. 


Um exemplo simples: a feijoada!
Já pensou se a feijoada fosse apenas um prato de feijão cozido?
Além de insípido e sem piada, já imaginou o que seria a sua vida intestinal nos dias em que comesse feijoada?
Basicamente para uma boa feijoada precisamos, além do feijão, de bons enchidos, boa carne, legumes de qualidade e de alguém que domine os segredos da culinária.
Quem perde algum tempo a ver os programas de televisão que ocupam as tardes, já percebeu que virou moda convidar figuras públicas para revelar o jeito ou falta dele para a cozinha.
Não ficaria surpreendido se numa das próximas tardes o convidado fosse António Costa, o primeiro ministro...
Mas será que António Costa domina os segredos da culinária?
Esta semana fiquei com a sensação que sim!



Afinal se um pinhal fosse só de pinheiro, talvez os problemas  causados fossem semelhantes aos da feijoada...

Sem comentários:

Enviar um comentário