domingo, 7 de janeiro de 2018

Finanças Domésticas

Já o falecido António de Santa Comba Dão dizia que as finanças de um país devem ser governadas como uma dona de casa governa as contas da casa: nunca se gasta mais do que se recebe!


E se o exemplo parece simples, a tarefa na prática de simples não tem nada.
Em todas as casas deste país mensalmente há contas de alimentação, água, electricidade, gás, televisão, telefone, o passe dos transportes públicos...entre muitas outras.
Além destas contas mensais surgem sempre aquelas contas regularmente : vestuário, seguro do automóvel, combustível, manutenção do automóvel...e tantas outras!
A juntar a isso tudo há ainda os imprevistos de uma doença ou uma avaria de um equipamento!
Mas em termos de contas há sempre algumas coisas que nos podem dar uma ajuda: planificação, descontos, promoções, marcas brancas...
Em todo o lado vemos anúncios de descontos em talão, de cartões de desconto, de campanhas, coisas que usadas com inteligência nos dão uns bons euros de retorno.
Por exemplo, em termos de manutenção automóvel se formos à marca a conta será de certeza bem alta, mas por outro lado há também a necessidade de manter a garantia...
No entanto há agora no mercado cadeias de oficinas que efetuam a revisão oficial com um desconto elevado, mantendo a garantia!


Quando se compra um equipamento, como um automóvel, há que pensar no custo da manutenção...
Mas há quem não o faça!


Ninguém tem por aí o telefone da MIDAS???


Sem comentários:

Enviar um comentário