domingo, 7 de janeiro de 2018

Agricultura no Mundo

Há cerca de 12 mil anos o ser humano, fruto da sedentarização, abandonou a atividade de caçador e recoletor e passou a produtor.
Dá-se desta forma o nascimento da agricultura tornando assim a economia da época, uma economia produtiva baseada na exploração da terra fértil disponível. Primordialmente baseada no cultivo de cereais, depressa evoluiu para a domesticação de animais. 
Este enorme passo da Humanidade ocorreu no chamado Crescente Fértil, região situada entre o Egito e o Irão, zonas que beneficiavam da fertilidade dos rios Nilo, Tigre e Eufrates.



Entre o surgimento da atividade agrícola e o século XVIII a evolução foi pouca, baseando-se numa produção cerealífera (a base da alimentação eram os hidratos de carbono) com rotação de parcelas e pousio e numa pecuária residual, sustentada por ovinos e caprinos que comiam o restolho e produziam leite e carne.
No século XVIII aliada à revolução industrial deu-se a revolução agrícola, sustentada por novas técnicas e pelo surgimento de maquinaria.
A produção agrícola começou a tornar-se industrial, aumentando a produção e possibilitando a explosão demográfica.
A agricultura no mundo tem evoluído de forma desequilibrada, se nuns pontos a produção é excedentária, noutros é deficitária. Numas zonas por clara falta de meios ou por inaptidão dos solos e das populações, noutras por abandono do setor primário em detrimento de outros setores.
No primeiro caso a situação conduz a casos de fome e escassez, já no segundo caso a solução é a compra das produções aos excedentários!
A Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO) estima que a população mundial cresça 35% até 2050 , sendo que para alimentar toda a população mundial, a produção agrícola terá de duplicar.
Mas em todo o lado a agricultura é o parente pobre das politicas sendo sempre abandonada e apenas lembrada em tempo de eleições.
Como se não bastasse tudo isto, há sempre fatores externos que afetam a produção agrícola. 
E hoje foi um desses dias maus, especialmente para a cunicultura...faleceu Hugh Hefner, responsável por colocar coelhas em muitos recantos deste mundo...

Sem comentários:

Enviar um comentário